NOTÍCIAS

Apresentação do novo CD (Naxos) na Gulbenkian
no dia 26 de Maio

13.01.2016 A apresentação do CD "Portuguese Music for Cello Orchestra" (NAXOS), gravado em 2015 por Bruno Borralhinho (solista) acompanhado pela Orquestra Gulbenkian e Pedro Neves (maestro), terá lugar no dia 26 de Maio às 19:00h na Fundação Calouste Gulbenkian. No evento, que contará com a participação de vários convidados especiais e será coberto pela RTP - Antena 2, serão também estreadas ao vivo versões para violoncelo e piano das obras gravadas.

Borralhinho dirige
"A Canção da Terra"
nos Dias da Música 2016

06.01.2016 Bruno Borralhinho apresenta-se como maestro e violoncelista na próxima edição dos Dias da Música no Centro Cultural de Belém. No dia 24 de Abril, Bruno Borralhinho dirige o "seu" Ensemble Mediterrain na interpretação da célebre obra "A Canção da Terra" de Gustav Mahler (versão de Schoenberg/Riehn). No dia anterior, Borralhinho será o violoncelista do concerto do Ensemble Mediterrain dedicado à Grécia.

Março e Abril de 2016:
duas vezes a solo com orquestra em Portugal

20.12.2015 No dia 4 de Março, Bruno Borralhinho será o solista de obras de Joly Braga Santos (Concerto) e Tchaikovsky (Pezzo Capriccioso) com a Orquestra Clássica de Espinho dirigida por Pedro Neves. No dia 2 de Abril, interpretará o Concerto n.1 de Saint-Saëns com a Orquestra de Câmara de Cascais e Oeiras.



Maestro e Solista com a Orquestra Clássica da Madeira

06.10.2015 Bruno Borralhinho apresenta-se no próximo dia 10 de Outubro na dupla função de maestro (Mozart, Abertura "Don Giovanni" e Beethoven, Sinfonia n.2) e solista (Haydn, Concerto em Dó Maior) com a Orquestra Clássica da Madeira. O concerto terá lugar na Assembleia Legislativa da Madeira, na cidade do Funchal.

Gravação a solo com a Orquestra Gulbenkian

01.05.2015 A Fundação Calouste Gulbenkian vai acolher no seu Grande Auditório, entre 22 e 26 de Junho, a produção de um novo CD para o selo discográfico NAXOS inteiramente dedicado à música portuguesa do século XX para violoncelo e orquestra. O solista Bruno Borralhinho estará acompanhado pela Orquestra Gulbenkian dirigida pelo maestro Pedro Neves. Serão gravadas obras de Luís de Freitas Branco, Fernando Lopes-Graça, Luiz Costa e Joly Braga Santos, duas das quais absolutamente inéditas no mercado discográfico.

Entrevista na revista musical portuguesa Da Capo

02.01.2015 A revista musical portuguesa Da Capo dedicou no passado mês de Dezembro uma entrevista exclusiva a Bruno Borralhinho. Entre outros, a trajectória e a actividade artística do violoncelista no presente são os temas de maior destaque. A entrevista completa pode ser lida aqui.



Solista na Integral dos Concertos de Haydn

10.03.2014 Bruno Borralhinho interpretará a Integral dos Concertos de Haydn acompanhado pela Orquestra Clássica do Sul no dia 19 de Julho em Ayamonte (Espanha). Borralhinho será também responsável pela Direcção do concerto cujo programa inclui ainda as Aberturas das óperas Don Giovanni e Le nozze di Figaro de Mozart.

Recital com obras de Beethoven, Schumann, Debussy e Shostakovich

15.02.2014 O Webermuseum, em Dresden, será palco no dia 25 de Maio do recital de Bruno Borralhinho, acompanhado ao piano por Andreas Hecker. O program inclui as Variações Bei Männern, welche Liebe fühlen de Beethoven, as Fünf Stücke im Volkston de Schumann e as Sonatas de Debussy e Shostakovich.

Versão de Borralhinho da Suite Española de Albéniz em digressão em Israel

01.11.2013 A versão para septeto da Suite Española op. 47 de Isaac Albéniz, da autoria de Bruno Borralhinho e estreada e gravada em 2009 pelo Ensemble Mediterrain, será uma das obras centrais da digressão do "Israeli Chamber Project" no próximo mês de Dezembro. O grupo realizará um total de seis concertos numa digressão que terá como convidada especial a consagrada violetista Tabea Zimmermann.

BIOGRAFIA

Bruno Borralhinho é membro da Orquestra Filarmónica de Dresden e fundador e diretor artístico do Ensemble Mediterrain. Apresenta-se regularmente como solista com orquestra, em recitais a solo, com piano e de música de câmara, sendo importante destacar a interpretação integral das Suites para Violoncelo Solo de J. S. Bach com o violoncelo Montagnana que pertenceu a Guilhermina Suggia (2008), a integral da obra de Beethoven para Violoncelo e Piano com o Stradivari que pertenceu ao Rei D. Luís (2012) e a integral dos Concertos de Haydn com a Orquestra Clássica do Sul (2014, solista e direção). Orientou até ao presente Masterclasses no Brasil e em Espanha.

Nasceu na Covilhã e iniciou os seus estudos musicais na Escola Profissional de Artes da Beira Interior com o Prof. Luis Sá Pessoa estudando depois, entre 2000 e 2006, com o Prof. Markus Nyikos na Universität der Künste de Berlim, onde concluiu a Licenciatura e a Pós-Graduação (Solista) com as máximas classificações. Posteriormente prosseguiu a sua formação com o violoncelista norueguês Truls Mørk, em Oslo. Bruno Borralhinho frequentou também Masterclasses com Natalia Gutman, Antonio Meneses, Pieter Wispelwey, Anner Bylsma, Jian Wang, Martin Ostertag, Martin Löhr, Márcio Carneiro e Thomas Demenga, e foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian entre 2001 e 2005.

Em 2011, concluíu um Master de Gestão Cultural na Universitat Oberta de Catalunya (Barcelona) e em Outubro do mesmo ano foi um dos participantes no Atelier for Young Festival Managers em Izmir (Turquia), organizado pela EFA - European Festivals Association. É actualmente Doutorando em Humanidades na Universidad Carlos III de Madrid.

Obteve o 1.º Prémio no Concurso de Instrumentos de Arco Júlio Cardona em 1999 e o 1.º lugar no Prémio Jovens Músicos, organizado pela RDP - Radio Difusão Portuguesa, em 2001. Enquanto solista, tocou acompanhado pela Orquestra Gulbenkian, Orquestra Metropolitana de Lisboa, Orquestra do Norte, Orquestra Clássica do Centro, Orquestra de Câmara Portuguesa, Orquestra Clássica do Sul e Orquestra XXI.

A diversificada actividade artística de Bruno Borralhinho inclui também a direcção de orquestra, tendo-se apresentado até ao presente como maestro à frente da Orquestra Clássica do Sul, da Orquestra Clássica da Madeira, da Orquestra Clássica do Centro, do Ensemble Mediterrain (DE), da Filharmonie Bohuslava Martinu de Zlin (CZ) e da Berliner Symphoniker (DE).

Em 2009, lança com a pianista Luísa Tender o CD duplo "Página Esquecida" inteiramente dedicado à música erudita portuguesa, trabalho que recebeu as melhores críticas da imprensa nacional e internacional. Em 2016 será lançado pelo selo discográfico NAXOS outro CD de Bruno Borralhinho inteiramente dedicado à música portuguesa, desta vez como solista acompanhado pela Orquestra Gulbenkian e pelo maestro Pedro Neves.

Bruno Borralhinho integrou a Orquestra de Jovens Gustav Mahler e a Orquestra Mundial das Juventudes Musicais, tendo ocupado o lugar de 1.º Violoncelo-Solista nesta última. Foi ainda membro da Academia da Staatskapelle Berlin entre 2004 e 2006, orquestra residente da Ópera Estatal de Berlim e estagiário na DSO - Deutsches Symphonie Orchester Berlin em 2003.

Ao longo da sua carreira, tocou em algumas das mais importantes salas de concerto por toda a Europa, Rússia, Estados Unidos, Canadá, Coreia do Sul, Japão e América do Sul, e trabalhou igualmente com conceituados maestros como Claudio Abbado, Daniel Barenboim, Franz Welser-Möst, Kurt Masur, Kent Nagano, Herbert Blomstedt, Christoph Eschenbach, Paavo Järvi e Andris Nelsons.

AGENDA

26.05.2016 | Lisboa (PT)

SOLISTA
Apresentação do CD
Portuguese Music for Cello and Orchestra (Naxos)

Fundação Calouste Gulbenkian

24.04.2016 | Lisboa (PT)

MAESTRO
Ensemble Mediterrain

Mahler: "A Canção da Terra"
(Schoenberg/Riehn)
- Dias da Música (CCB) -

23.04.2016 | Lisboa (PT)

ENSEMBLE MEDITERRAIN
Skalkottas, Theodorakis, Carrer,
Shostakovich, Ravel
- Dias da Música (CCB) -




02.04.2016 | Cascais (PT)

SOLISTA
Orquestra de Câmara de Cascais e Oeiras

Saint-Saëns: Concerto n.1

25.03.2016 | Dresden (DE)

MAESTRO
Ensemble Mediterrain

Pergolesi: Stabat Mater

02.03.2016 | Espinho (PT)

SOLISTA
Orquestra Clássica de Espinho

Joly Braga Santos: Concerto
Tchaikovsky: Pezzo Capriccioso




24.12.2015 | Dresden (DE)

MAESTRO
Ensemble Mediterrain

Locatelli: Concerto Grosso op.1, n.8
Vivaldi: Concerto para Violino e Orquestra RV.270
Albinoni: Concerto para Oboé e Orquestra op.9, n.2
Corelli: Concerto Grosso op.6, n.8

17.10.2015 | Kammermusiktage Ahrenshoop (DE)

ENSEMBLE MEDITERRAIN
Haydn, Weber, Martinu, Ravel

10.10.2015 | Madeira (PT)

MAESTRO e SOLISTA
Orquestra Clássica da Madeira

Mozart: Abertura "Don Giovanni"
Haydn: Concerto para Violoncelo e Orquestra n.1
Beethoven: Sinfonia n.2




30.09.2015-02.10.2015
Digressão PORTUGAL

Porto, Aveiro, Castelo Branco
ENSEMBLE MEDITERRAIN
Boccherini: "Musica notturna nelle strade di Madrid"
Boccherini: Quinteto G.275, op.11, n.5
Schubert: Quinteto em Dó Maior, D.956

01.09.2015-02.09.2015
Digressão PERÚ

Lima
ENSEMBLE MEDITERRAIN
Haydn, Weber, Martinu, Ravel

20.07.2015-24.07.2015
Penhas da Saúde (PT)

MASTERCLASS
DE VIOLONCELO

Academia Serra da Estrela

MULTIMÉDIA






ÁUDIO


AO VIVO com o Stradivarius Rei de Portugal
L. v. Beethoven: Sonata em Lá menor op.69  Allegro ma non tanto (mp3)
L. v. Beethoven: Sonata em Ré Maior op.102, n.2  Allegro con brio (mp3)
L. v. Beethoven: Variações sobre um tema da Oratória "Judas Macabeus" de Handel  Variações VII.-X. (mp3)


CD Duplo Página Esquecida:
Fernando Lopes-Graça: Três Cancões Populares Portuguesas  Senhora do Almurtão (mp3)
Armando José Fernandes: Sonata  Assai animato (mp3)
Cláudio Carneyro: Sonatina  Allegro (mp3)


AO VIVO com o Montagnana Suggia:
J. S. Bach: Suite n. 1 em Sol maior  Sarabande (mp3)
J. S. Bach: Suite n. 3 em Dó maior  Gigue (mp3)

  • (...) mestria instrumental
    e sentido natural de estilo.

    Strings Magazine (USA)
  • Perfeição instrumental e camerística (...) pela missão de levar a música portuguesa do esquecimento existencial ao centro das atenções.

    Das Orchester (DE)
  • (...) completamente persuasivo
    e autoritário.

    Fanfarre Magazine (USA)
  • O tom é enérgico, o propósito de grande fluidez
    e a eloquência de justa sobriedade.

    Expresso (PT)

Contacto

  

Por favor, preencha todos os campos do formulário!





Bruno Borralhinho no Facebook: